Facebook
Telefone: 256 949 041
A+ A A-

Enquadramento

Em Portugal, cerca de 90% das propriedades florestais são de domínio privado. Como quaisquer outras, têm que ser regularmente objecto de operações de manutenção e valorização que permitem garantir a sustentabilidade. De superfície de Entre Douro e Vouga (44 800 ha), 5 346 ha (11,9%) pertencem a baldios de freguesias, os restantes 39 454 ha (88,1%) pertencem a proprietários privados. O grande desafio que se coloca actualmente aos proprietários dos espaços florestais é a harmonização das actividades de caracter produtivo com outros valores de ordem ambiental, social e ainda cultural. De facto, a moderna gestão do espaço florestal tende a convergir para a optimização dos recursos naturais, passando a produzir-se mais e melhor por hectare de forma a contrariar o aumento dos custos de exploração

A Associação Florestal de Entre Douro e Vouga, foi formada em 25 de Setembro de 1997, tendo como área de intervenção os Concelhos de Arouca, São João da Madeira, Santa Maria da Feira, Oliveira de Azeméis, e Vale de Cambra.

É uma Associação sem fins lucrativos, que admite como sócio pessoas individuais ou colectivas, publicas ou privadas. Conta de momento com mais de 275 sócios, proprietários florestais, empresas e entidades públicas. É constituída por um equipa com competências técnicas e formativas na área Florestal e Agrícola.

A Associação conta com 32 colaboradores, estando estes divididos por 4 equipas de Sapadores Florestais, 2 equipas Agro-florestal, departamento administrativo/financeiro e departamento técnico.